10 competências indispensáveis a qualquer freelancer

02.12.2018

Fala-se muitas vezes do que é necessário para obter sucesso enquanto freelancer, mas raramente se especifica o que realmente é necessário. Todos os que já tentaram ser freelancers pelo menos durante um ano ou dois sabem quão vasta pode ser a lista de requisitos.


Para todos os que estão a pensar enveredar pelo freelancing e se questionam acerca do que devem fazer para aumentar as hipóteses de sucesso, apresentamos aqui 10 competências que são absolutamente indispensáveis.

 

Hard vs. Soft Skills: qual é a diferença?

Quando falamos acerca das skills necessárias para efetuar um determinado serviço, muitas vezes surgem temos como ‘hard skills’ e ‘soft skills’. Mas qual é exatamente a diferença entre elas?


Hard Skills: As hard skills com competências mensuráveis, que se podem aprender, e que são cruciais para um determinado trabalho. Estas competências podem ser claramente definidas e muitas vezes são aprendidas, e não intrínsecas.

Exemplos de hard skills:

  • Um programador que é especialista numa determinada linguagem de código
  • Um web developer com capacidade de construir um website em WordPress
  • Um web designer que é especialista em Sketch
  • Um escritor com conhecimentos de WordPress e no plugin Yoast

 

Soft Skills: As soft skill, por outro lado, são traços de personalidade que podem ajudar uma pessoa num determinado trabalho. Embora não sejam cruciais, são extremamente úteis e podem perfeitamente marcar a diferença entre o sucesso e o falhanço.

Exemplos de soft skills:

  • Comunicação
  • Feitio
  • Pensamento crítico

Os freelancers necessitam de diferentes hard skills, que dependem muito da sua área de especialização. Obviamente que um freelancer que se dedica à escrita necessitará de possuir um conjunto de hard skills manifestamente diferente das que necessita um programador.

Apesar disso, no que diz respeito às soft skills, existem alguns traços de personalidade que se podem revelar muito úteis para todos os freelancers. É nestes que nos focamos abaixo:

 

Soft Skills indispensáveis para qualquer freelance


1) Confiança

Todos os freelancers devem ser confiantes acerca daquilo que sabem fazer e das suas competências. Se você não acreditar em si próprio, os seus potenciais clientes também não vão acreditar. A confiança não é um dado adquirido e pode ser aprendida, principalmente se der o seu melhor no seu trabalho e conseguir ter consciência de tudo o que já conseguiu conquistar.

 

2) Vender as suas ideias

Convencer os outros de que precisam dos seus serviços é essencial quando você é o seu próprio chefe e 100% responsável pelos seus rendimentos todos os meses.

Além disso, terá que conseguir fazê-lo num curto período de tempo, quer seja através da escrita, através do seu website ou cara a cara. Os potenciais clientes vão abordar vários freelancers, por isso você terá que conseguir causar impacto rapidamente para prender a atenção do cliente a si e aos seus serviços.

 

3) Gestão de tempo

Ser capaz de criar horários e, ainda mais importante, cumpri-los, é decisivo no sucesso do seu negócio. Trabalhar como freelancer é muito diferente de trabalhar num escritório – ninguém var verificar se está sob mais ou menos pressão. Terá que descobrir por si mesmo a melhor forma de manter o nível de motivação alto e a sua agenda organizada, com o mínimo de procrastinação possível.

 

4) Planeamento a longo e a curto-prazo

Quer seja para cumprir o deadline ou descobrir o futuro do seu negócio, o planeamento faz muitas vezes todas a diferença, distinguindo os bons freelancers dos ótimos freelancers.

Os freelancers precisam não só de gerir o seu tempo e a carga de trabalho semanal, mas também estabelecer um objetivo a longo-prazo para o destino que querem dar ao seu negócio.

 

5) Paixão em aprender

Esta quinta dica é de importância vital – praticamente todas as áreas em freelancing são extremamente dinâmicas. As regras do jogo podem mudar numa questão de meses. É sua responsabilidade melhorar sempre e aprender novas e relevantes competências que manterão os seus serviços atuais e apelativos para novos potenciais clientes.

 

6) Comunicação eficiente

Você vai precisar de comunicar muito, principalmente com clientes. E isso deve ser feito de forma eficaz. Por um lado, deve ser capaz de transmitir de forma curta e precisa aquilo que consegue realmente fazer e mediante que condições. Por outro lado, deve compreender porque é que o outro lado comunica de certa forma. Isto implica ler nas entrelinhas, identificar problemas e compreender as expetativas do cliente.

 

7) Lidar com o stress

O stress e a exaustão são facilmente eliminadas quando não está numa situação comparável, mas fazê-lo pode revelar-se um verdadeiro desafio. Manter a cabeça fria e não se exceder serão fatores decisivos na sobrevivência do seu negócio.

 

8) Persistência

Não desistir e ser paciente também é muito importante – quer esteja à procura de um novo projeto em freelancing, à espera da resposta dos seus clientes, a tentar alargar a sua rede de contactos ou a trabalhar numa tarefa particularmente desafiante. Há que manter a paciência durante um período de tempo que se possa considerar razoável.

 

 

Hard Skills indispensáveis para um freelancer

Embora cada freelancer tenha um conjunto diferente de hard skills, que depende da sua área de atuação, existem algumas hard skills que todos os freelancers devem adquirir para que possam conduzir o seu negócio com sucesso.  E estas são:

 

9) Contabilidade e finanças

Como freelancer, você será o seu próprio departamento financeiro. Determinar onde investir para melhorar o seu negócio, manter os impostos em dia, fazer o negócio crescer e ainda viver, tudo ao mesmo tempo, pode ser bastante complicado.

É por isso que antes de começar se deve familiarizar bem com o enquadramento financeiro da carreira que escolheu.

 

10) Marketing

As palavras Linkedin, SEO ou networking significam alguma coisa para si? Se não, então provavelmente não está pronto para promover o seu negócio como freelancer. Conseguir visibilidade é das coisas mais difíceis no início, por isso será muito útil saber dar um empurrão extra sempre que possível, no que a isto diz respeito.

 

Treinar Soft Skills: Como melhorar enquanto freelancer

Se leu a lista de soft skill e acha que tem algumas em falta que lhe parecem bastante úteis, não desespere! É possível aprender e melhorar as soft skills, mesmo não sendo mensuráveis.

Você já deu o passo essencial: reconheceu que necessita de melhorar uma determinada soft skill. Ter essa consciência é essencial para poder melhorar algo que para si não lhe é natural, seja uma má gestão de tempo ou falta de confiança.

O seu treino deve também incluir pesquisa e prática. Leia livros que expliquem o que pode fazer para se tornar mais confiante. Encontre um mentor que seja vendedor-nato e tente apreender as suas técnicas. Leia acerca da técnica Pomodoro e a gestão de tempo.

Praticar estas soft skills todos os dias no seu negócio de freelancing é a melhor forma de as tornar em hábitos e, eventualmente, incorporá-las na sua personalidade. Pode demorar algum tempo – mas não há dúvida de que é possível mudar e melhorar as suas soft skills.

 

Como apresentar suas habilidades em seu perfil freelance

 

O Freelancermap inclui uma seção completa de habilidades (habilidades) onde você pode fazer uma lista das coisas em que você se destaca, seu conhecimento técnico e a experiência acumulada.

Você deve usar este espaço para listar suas habilidades técnicas e sociais.

Acho que você tem que se destacar entre muitos outros freelancers e que simplesmente mencionar que você tem confiança em si mesmo e é um bom comunicador não terá um grande impacto.

É melhor mostrar que você tem essas habilidades sociais sem explicitamente enumerá-las.

Você pode fazê-lo por ser assertivo em suas frases, respondendo no tempo se uma nova proposta chegar e ser educada e profissional ao se comunicar com clientes em potencial. Isso terá um impacto muito maior do que simplesmente dizer que você é um bom comunicador.

Além disso, recomendamos começar com os anos de experiência que você tem e fazer uma lista na qual é fácil entender suas habilidades mais técnicas.

Aqui está um exemplo de como você pode apresentar suas habilidades em seu perfil de freelancer:
 


Se você ainda não tiver seu perfil freelancer no freelancermap, sinta-se à vontade para criar sua conta gratuita para se conectar com empresas e clientes em todo o mundo.

 

Freelancing pode ser difícil e definitivamente não é para todos. Mas ninguém nunca aprendeu a nadar sem tocar na água! Os erros são uma parte natural e importante do processo de aprendizagem.

Vá lá, dê o seu melhor e veja se você tem o que é preciso para ser bem sucedido em freelancing.

Boa sorte! Estamos felizes por estar ao seu lado nesta emocionante jornada.

-----
Pic: © lassedesignen - shutterstock_193036472

 

Crie seu perfil de freelancer e encontre novos projetos agora mesmo.

 Cadastre-se grátis!

More articles

  • O que separa um programador júnior de um programador sênior?

    Se você já se inscreveu para uma vaga de programador, criou um perfil no Linkedin ou falou com recrutadores, você já deve ter feito a seguinte pergunta: “Como eu sei se sou um programador júnior ou sênior?”.
  • Como trabalhar como Freelancer de forma paralela sem deixar o seu emprego atual

    Iniciar-se como freelancer pode representar um verdadeiro desafio. Implica abdicar da sua segurança financeira, estabelecer rotinas próprias e principalmente dar um grande passo para fora da sua zona de conforto. No entanto, transitar entre um trabalho normal e o freelancing não precisa de ser aterrorizador nem extremamente arriscado. Pode sempre trabalhar como freelancer de forma paralela.
  • KPIs para Freelancers: Como acompanhar o crescimento do seu negócio enquanto freelancer

    Há muitas formas de medir o seu sucesso enquanto freelancer. Uma delas é a quantidade de dinheiro que está a ganhar, mas isso não é necessariamente a mais importante. Existem outros aspetos que também deve considerar, como o número de clientes que conseguiu angariar, o que está a ganhar verdadeiramente por hora de trabalho e a eficácia dos seus esforços de promoção. Se quer que o seu negócio seja bem-sucedido, “voar ao sabor do vento” não será, certamente, suficiente.

Comments

  • No comments available

Comment this article