Por que criar uma assinatura de e-mail profissional?

11.07.2018

Nem todos os profissionais freelancers se preocupam com este detalhe, mas acredite: ele é muito relevante. Uma assinatura personalizada dá a potenciais clientes a possibilidade de conhecer um pouco mais sobre o seu trabalho e faz com que você adquira uma imagem mais confiável.

Sua assinatura de e-mail deve ser parte da sua identidade enquanto freelancer e, por isso, deve ser muito bem pensada. Queremos que ela tenha bons resultados, certo? Certo!

Neste artigo, falamos sobre o processo de criar uma assinatura de e-mail correta e sobre minúcias que você não deve ignorar. Confira:


Como criar uma assinatura de e-mail profissional

Felizmente, você não precisa ser um designer de mão cheia para criar uma assinatura bonita, interessante e que cause boa impressão.

Para criar um modelo que faça sentido para você, você pode se utilizar de um template online, desde que ele permita que você insira nome, link e o que mais você considerar relevante. Se você é uma pessoa mais clean, você também pode criar uma assinatura através do Gmail ou do seu provedor. Tenha em mente, no entanto, que este tipo de assinatura será bem mais simples (e não chamará tanta atenção).

Ao criar a sua assinatura, você deve levar em consideração alguns aspectos:


Cores

Sua marca tem uma paleta de cores específica? O seu site é feito todo em tons de, digamos, azul? Mantenha-se dentro destes padrões para criar uma imagem de solidez.

Seja sucinto e claro

Sim, é claro que você deve acrescer informações relevantes, mas você não pode criar uma assinatura de uma página e meia. Mantê-la pequena e simples é uma excelente ideia. Para economizar espaço e dar um ar de modernidade, utilize ícones quando precisar colocar links.


O que incluir na sua assinatura de e-mail

Boas assinaturas devem ser pequenas, concisas e devem conter apenas o essencial.
Algumas coisas que você definitivamente deve acrescentar à sua assinatura são:


1) Seu nome e título

Sem sombra de dúvidas, estas são as coisas mais importantes de qualquer assinatura (e de qualquer currículo ou website profissional). Você quer e precisa que os seus destinatários saibam o seu nome e aquilo que você faz.

2) Sua foto

Adicionar uma foto sua faz com que seus potenciais clientes comecem a enxergá-lo como um ser humano. Isso parece poético, mas é simplesmente verdade. A internet às vezes faz com que esqueçamos que estamos falando com pessoas de carne e osso. Ao olhar a sua foto, o cliente conseguirá estabelecer uma melhor conexão entre vocês - o que, como você pode imaginar, é excelente para construir confiança. Lembre-se de investir em uma foto profissional, no entanto: fotos de festas não costumam ser bem vistas.

3) Seu logo

Você tem um logo que costuma utilizar em seu website, nas suas redes sociais e afins? Coloque-o em sua assinatura para fortalecer a sua marca e solidificar a sua imagem.

Se você ainda não tem um logo, talvez seja a hora de começar a pensar nisso. Se você precisa de ajuda para criá-lo, não se desespere: fale com um de nossos especialistas já.


4) Os links das suas redes sociais e seu site oficial

Sejamos francos: a maior parte dos clientes fará uma pesquisa sobre você antes de pensar em contratá-lo para um ou mais jobs. Incluir os links das suas redes sociais é ótimo por duas razões: primeiro, facilita o trabalho de seus possíveis empregadores; segundo, mostra que você não tem nada a esconder. Não se esqueça, porém, de que saber separar as coisas é primordial. Se você tem uma rede pessoal, mantenha-a fechada e reservada.
 

Se você quiser incluir em sua assinatura o link para o seu perfil do Freelancermap, acrescente um de nossos widgets, que você encontra aqui.


5) Uma pequena biografia
 

Incluir uma pequena biografia na sua assinatura pode ser uma ótima maneira de fornecer informações sobre a sua formação e sobre o seu trabalho. Se a sua área de atuação é bastante específica, você pode enfatizar isso aqui.

 

Abaixo, você pode dar uma olhada na biografia de Neil Patel, um profissional de marketing online muito conhecido:



Aqui, podemos ver o seu nome, foto, os links de suas redes sociais e algumas frases que falam um pouco sobre as suas experiências profissionais.

Estas pequenas informações são o bastante para promovê-lo de “marqueteiro de internet” a um profissional do marketing. Por quê? Nesta biografia sucinta, Neil diz ter trabalhado com marcas como: Amazon, Hubspot, NBC, GM, HP e Viacom. Que cliente não prestaria atenção neste homem?

Claro, nem todo mundo tem o expertise de Neil Patel. Isso não é motivo para vergonha - pelo contrário. Utilize-o como inspiração para crescer e busque formas de turbinar ainda mais o seu currículo.

Está pronto para criar a sua assinatura de e-mail profissional? Você pode começar a trabalhar no design dela sozinho ou utilizar uma das inúmeras ferramentas online que possuem esta funcionalidade. Se você não sabe por onde começar, saiba que o Hubspot oferece algumas boas opções. Confira neste link!

Crie seu perfil de freelancer e encontre novos projetos agora mesmo.

 Cadastre-se grátis!

More articles

  • Como contratar seu primeiro freelancer em seis passos

    O trabalho freelancer cresceu de forma muito rápida nos últimos dez anos e demonstrou que não é moda passageira, mas tendência global. Não importa se você é dono de um negócio pequeno ou CEO de uma companhia internacional: a ideia de contratar freelancers para trabalhar com você em um ou mais projetos certamente já deve ter passado pela sua cabeça. E você tem toda a razão de pensar assim: freelancers normalmente possuem muita motivação, têm expertise para dar e vender e costumam ser mais flexíveis do que colaboradores fixos.
  • Por que freelancers e startups combinam?

    Muitos freelancers acabam fazendo um ou vários trabalhos para startups. E a maior parte das startups, por sua vez, conta com o apoio dos freelancers para conseguir entregar os seus projetos e satisfazer os clientes. Parece haver uma conexão aí, certo? Certíssimo: startups e freelancers dão match, digamos assim.
  • Como construir relações sólidas com seus clientes

    Para muitos freelancers, manter relações cordiais e sólidas com seus clientes é a maneira mais segura de ir adiante nos negócios. Com bons relacionamentos, você terá mais frequência nos seus trabalhos (o que implica em conseguir mais dinheiro!) e poderá gastar menos tempo em busca de jobs. A grande pergunta é: como conquistar os seus clientes e garantir esta vantagem?

Comments

  • No comments available

Comment this article