Equilíbrio entre vida pessoal e profissional: conselhos para freelancers

E

O equilíbrio entre vida pessoal e profissional é algo bastante discutido e até em o termo em inglês work-life balance. Com cada vez mais nossas vidas sendo interconectadas, o processo de separar os dois é cada vez mais difícil, especialmente para trabalhadores autônomos. Neste artigo você aprenderá como conseguir esse equilíbrio entre trabalho e a vida privada.

A linha é cada vez mais tênue: o celular toca toda hora, inclusive nos fins de semana, os e-mails chegam e são lidos depois da hora de trabalho, as reuniões com clientes e colegas ultrapassam a tarde e chegam nas noites… é difícil ter um descanso.

O equilíbrio entre vida pessoal e profissional é um dos maiores desafios dos freelancers - Pesquisa freelancermap 2020
Para 35% dos freelancers entrevistados, separar a vida pessoal do profissional é um dos maiores desafios.

Agora com o home office cada vez mais comum, deixar o trabalho para trás é ainda mais complicado. Este é o caso para 35% dos autônomos que participaram da pesquisa Freelancer Market Study 2020. Eles afirmaram que a separação entre vida pessoal e o trabalho é um dos maiores desafios dos trabalhadores independentes.

A ideia errada que ser autônomo é estar constantemente disponível persiste. Os novos freelancers em específico parecem ter a sensação que é preciso trabalhar 24 horas ao dia para conquistar seus objetivos.

Isso acarreta em diversos problemas, como estresse, ansiedade e a sensação que o trabalho, que até pode ser na área que você sempre sonhou, vire um pesadelo. Para evitar isso é preciso ter um bom equilíbrio entre vida pessoal e profissional.

O que é o equilíbrio entre vida pessoal e profissional?

O termo já indica: trata-se de encontrar o ponto certo, de equilíbrio entre vida pessoal e profissional, que gere felicidade em ambos cenários. Isso pode ser conquistado quando um interfere pouco no outro ou, ainda melhor, quando são complementares.

Este equilíbrio é sinônimo de um estilo de vida saudável, que tem como centro a saúde mental e física. Um bom equilíbrio entre a vida pessoal e profissional foca na redução do estresse e pressão psicológica, que no pior dos casos pode gerar um esgotamento e outros problemas sérios.

Qual é o ponto de equilíbrio entre a vida pessoal e profissional?

Encontrar esse ponto perfeito é algo completamente abstrato, que varia de pessoa para pessoa e até de fase na vida. É normal que quando somos jovens exista mais disposição e até inspiração para trabalhar, mas isso também pode variar de profissional para profissional.

Abaixo daremos vários exemplos de medidas para manter o equilíbrio entre a vida profissional e pessoal, mas o mais importante é que você faça um exercício de autoconhecimento. Algumas perguntas que você precisa encontrar resposta são:

  • Quais são meus objetivos profissionais e pessoais? Como um pode ajudar o outro?
  • Quais são as horas em que rendo mais e quais momentos do dia eu posso me dedicar a trabalhos mais criativos ou que exigem inspiração?
  • Quais dias da semana ou momentos do dia eu posso me permitir uma saída ou fim do expediente?

Como equilibrar vida pessoal e  profissional sendo um freelancer?

Não existe uma fórmula perfeita para um bom work-life balance dos freelancers. Cada um tem nível de tolerância a estresse e pressão diferentes. Como propusemos acima, pense um pouco em quais são esses limites e comece a encontrar seu equilíbrio.

A palavra equilíbrio pode levar alguns a pensar que a importância precisa ser dividida em 50% a 50%, mas esse não é necessariamente o caso. O ideal é que nesse equilíbrio você consiga ter um tempo de descanso, lazer e cultura de qualidade e quando for para trabalhar, conseguir ser produtivo e inspirado.

Nossos conselhos abaixo são direcionados para os freelancers e a adoção das dicas irá estabelecer fronteiras claras de trabalho e vida pessoal.

#1 Estabeleça horários de trabalho

Aqueles que estão disponíveis 24 horas por dia podem se ver não conseguindo fazer seu trabalho direito e nem aproveitar a vida pessoal. Faça como a maioria dos freelancers entrevistados na pesquisa Freelancer Market Study 2020 e defina seus horários de trabalho e disponibilidade para clientes de forma clara.

As horas de trabalho não precisam seguir o padrão 9 da manhã até 5 da tarde. Pense em como seu trabalho se encaixa melhor no seu dia a dia, quando você é mais produtivo e que outras obrigações você precisa cumprir. A criação dessa programação semanal personalizada, com horários definidos, é vital.

Por exemplo, se você gosta de levantar cedo, seu dia pode começar às 7h, claro, puxando as comunicações com clientes e colaboradores para mais tarde. Dessa forma você pode adiantar seu trabalho e depois fazer as tarefas que exigem terceiros, deixando a tarde livre para outros projetos ou seu tempo livre. Agora se você gosta de trabalhar à tarde e noite, é só inverter os horários, respeitando também a necessidade de descanso dos outros profissionais.

Preste atenção às suas necessidades

Defina suas horas de trabalho e tente estabelecer uma rotina. Inclusive informar seus clientes pode ser interessante porque não há nada pior do que ter reuniões ou longas conversas em uma hora que deveria ser sua, para seu proveito. Isso não é nada bom para alcançar o equilíbrio entre vida pessoal e profissional.  

#2: Crie um plano de trabalho

O trabalho como freelancer implica uma flexibilidade maior que o trabalho em um escritório para uma empresa específica. Entretanto é preciso criar um plano de trabalho, ter um planejamento. Esse plano permite maior controle sobre as tarefas pendentes e as horas que serão dedicadas ao projeto.

Se sua concentração é maior pela manhã então dedique esse período a tarefas que exigem maior concentração. 

É importante realizar as tarefas antes de checar as redes sociais, e-mails pessoais e grupos no WhatsApp. Tente estabelecer horários para responder as pessoas e assim não ficar dividindo sua atenção o tempo todo.

#3 Tire pequenas folgas

Além da concentração habitual no trabalho, pense também em tirar pequenas folgas não-planejadas. Se você está muito focado há alguns dias ou se sente cansado, sua concentração irá diminuir e o rendimento também. Uma pequena folga pode recarregar suas baterias.

Tire umas horas no meio do dia para respirar profundamente e relaxar. Saia de casa, leia, veja um filme, leve o cachorro para passear, vá para a academia, enfim, saia da rotina. Assim você poderá voltar ao trabalho mais tarde, ou no dia seguinte, mais focado e produtivo. 

Pelo menos um dia livre na semana

Não só é preciso algumas folgas no meio da jornada, mas é também interessante tirar pelo menos um dia de descanso completo – pode ser o domingo ou outro dia. Se possível é interessante que além do fim de semana você possa fazer isso nos dias de semana. Claro que é possível ver os e-mails ou responder alguém, mas não deixe isso afetar sua desconexão e seu descanso físico e mental.

Dias do trabalho dos freelancers - Pesquisa freelancermap 2020
40% dos freelancers entrevistados trabalham no sábado.

Caso você tenha decidido que um dia específico da semana será de folga ou desconexão, informe seus clientes e colaboradores disso, especialmente se o tempo é algo crítico para o sucesso do projeto.

#4: Crie um escritório em casa

A falta de separação física entre o trabalho e sua vida privada pode fazer com que você se sinta sempre conectado e trabalhando. Mesmo que seja a hora de ver televisão ou passar roupa.

Qualquer freelancer que trabalha em casa de forma integral ou a maior parte do tempo precisa criar um escritório, seja um quarto ou sala dedicado a isso ou mesmo um canto, para ter a separação clara entre o lugar do trabalho e, saindo dali, fica estabelecido o fim da jornada ou uma pausa.

Além dessa função, um escritório serve para guardar todos os materiais e documentos, ser um espaço confortável para trabalhar e um lugar para concentrar-se, afastado de barulhos normais em uma casa, especialmente se você mora com mais alguém. Quando o trabalho terminar, basta fechar a porta ou deixar a estação de trabalho e “voltar para casa”.

#5 Defina sua disponibilidade

Estar disponível a todo momento e em qualquer lugar é um dos grandes fatores de estresse nos tempos modernos. Falando particularmente do mundo dos autônomos, você conhecerá clientes que não respeitam barreiras de dias e horários. Em situações como essa é recomendável ter números separados de telefone privado e de trabalho.

O primeiro passo para ter mais tempo livre, sem interrupções, e um melhor equilíbrio entre a vida pessoal e a profissional é comprar um celular para trabalho. Os clientes só receberão esse número.

Disponibilidade dos freelancers durante o dia - Pesquisa freelancermap 2020
A maioria dos freelancers está disponível durante o dia, 39% à tarde, 6% à noite e 31% durante o fim de semana.

O segundo passo é definir um horário de trabalho e para conversas e contatos. Comunique essa decisão na sua página web, rede social, e-mail profissional e cartão de visitas.

O terceiro passo é desligar o telefone quando terminar o horário de trabalho. Você pode configurar uma mensagem automática para qualquer pessoa que ligue fora desse horário de trabalho e pedir que a pessoa informe seu número e assunto da conversa para um retorno.

#6 Não deixe seus hobbies de lado

Programas pessoais, hobbies e um “tempo para mim” é fundamental. Faça o que dá prazer, seja ler um livro, jogar futebol, andar de bicicleta, botar a mão na massa na cozinha, enfim, varia de pessoa a pessoa. Faça planos para o fim do dia e os fins de semana, dando aquela motivação para completar seu trabalho e poder relaxar depois.

Outro motivador para concentrar e ter alta produtividade é começar a planejar suas próximas férias ou uma viagem em feriado prolongado. Ter essa meta de tirar férias oferece uma “linha de chegada”, algo legal para pensar e seguir na rotina até chegar o momento de descansar.

#7 Dê atenção a amigos e família

Um ponto fundamental na vida pessoal é ter pessoas que você gosta de ver e conviver, portanto ao criar um equilíbrio entre vida pessoal e profissional você precisa pensar nos amigos e família. Uma tarde para jogar conversa fora, um jantar com seu parceiro ou parceira, uma festa com a família, tudo isso pode entrar nos planos e ajuda você a desconectar e criar memórias para a vida.

#8 Mantenha uma rede profissional

Ser um freelancer não tem que significar isolamento e trabalhar só. Crie uma rede de contatos. Consulte outros autônomos ou especialistas que tenham uma boa experiência no seu campo. Uma boa relação com clientes, membros de equipe em determinados projetos ou outros autônomos pode fazer sua satisfação profissional aumentar também.

Você tem clientes habituais que estão satisfeitos com seu trabalho? Pergunte a eles se não há outros projetos que você pode ajudar. Assim você pode ter novas oportunidades sem ter que se apresentar e concorrer a outras vagas.

#9 Priorize sua saúde

A saúde mental e física é a parte essencial, a razão principal para o equilíbrio entre a vida pessoal e a profissional. Para manter-se são é fundamental conhecer seu corpo e estabelecer seus limites.

Muito estresse ou uma postura ruim podem ser péssimos para seu trabalho, já que derrubam seu rendimento, mas são especialmente ruins para sua saúde. Por isso é fundamental cuidar de seu corpo e mente para também ter um melhor desempenho como trabalhador autônomo a longo prazo.

Diferentes caminhos conduzem ao mesmo objetivo. Pode ser uma boa investir no seu espaço de trabalho para ele trazer mais conforto. Ou então separar uma hora do dia ou mais para fazer um esporte, algo que comprovadamente reduz o estresse, aumenta a resistência e é bom para a cabeça. Independentemente de qual for a escolha, sempre priorize a sua saúde.

Hoje em dia é fundamental conseguir se desconectar e tirar um dia para você. Esta é a única forma de se manter produtivo e inteiro. Cada freelancer precisa encontrar seu equilíbrio individual.

Que medidas você toma para manter um equilíbrio entre a vida pessoal e a profissional? Fale conosco!

Miguel Amado

Freelancer desde 2014, Miguel Amado é um criador de conteúdo, analista SEO e editor/apresentador de podcasts.

Escreva um comentário

Artigos recentes

Cookie Consent One Trust