Como recusar projetos da forma correta

C

Essa frase pode parecer estranha, mas lá vai: recusar projetos é parte importante da vida de um freelancer (tão importante quanto, por exemplo, procurar por ofertas de jobs). Por quê? Bem, pense da seguinte forma: se você aceitar projetos que não lhe interessam ou sobre os quais não tem qualquer domínio, você fará um trabalho com pouca qualidade e poderá perder um cliente para o resto da vida, além de ficar, digamos, “queimado” no mercado. E não só isso: se você aceitar tudo o que aparece, poderá ficar sobrecarregado.

 
 
Para garantir que você aprenda a dizer “não” a um projeto quando for necessário, fizemos uma pequena listinha de coisas que podem auxiliá-lo nesta tarefa. Olha só:
 
1. Identifique prós e contras
Às vezes, sua intuição lhe dirá que pegar aquele trabalho não é boa ideia. E isso, acredite, não é ruim. Na maior parte das vezes, sua primeira impressão corresponderá à realidade. Criar um mecanismo de defesa, entretanto, leva tempo – e nem sempre você terá dias e dias para pensar sobre uma proposta.
O que você pode fazer é o seguinte: assim que estiver com os termos em mãos, pense por pelo menos meia horinha sobre o quanto aquela proposta tem a ver com o tipo de trabalho que você faz. Ela é relevante para o seu crescimento enquanto profissional e individual? Ela pode prejudicar outros trabalhos? O pagamento vale a pena, o cliente pode ser duradouro e o prazo é justo? Faça uma lista de vantagens e desvantagens, sem medo, e escreva tudo o que vier à sua cabeça. Com esta listinha em mãos, siga adiante.
 
2. Agradeça sempre
Depois de analisar o projeto e perceber que ele não se encaixa em sua proposta de trabalho, você precisa se preparar para recusá-lo. O primeiro passo é, sempre, ser educado. A forma como você se comunica diretamente com o seu cliente e como você recusa um job pode definir os rumos da relação de vocês (e pode, portanto, abrir ou fechar portas). Uma coisa que pode ajudá-lo a ser polido o bastante é lembrar do seguinte: você foi a escolha deste cliente. Ele pensou em você e o priorizou entre centenas de milhares de freelancers. Nada ruim, hein?
Isso feito, continuemos:
 
3. Seja claro ao explicar seus motivos
Não é uma tarefa fácil, é claro, mas saiba que você precisará explicar, de maneira clara e convincente, os motivos pelos quais não poderá trabalhar com ele desta vez. As razões válidas para o declínio da oferta costumam envolver prazos muito curtos, muitas propostas de trabalho no momento ou simplesmente pouca habilidade com o tema do job. Pense sobre o que não funciona bem para você, entenda as suas limitações atuais e diga isso. Às vezes, o cliente está tão interessado no seu trabalho que pode aumentar o prazo de entrega, turbinar o orçamento inicial ou lhe oferecer algum material de apoio.
 
4. Ofereça soluções
Tem toda oferta está dentro das suas expectativas. Se este for o caso, você pode fazer uma contra-proposta em sua primeira resposta. Algo assim: “O projeto está dentro do meu expertise e eu acredito que posso efetuá-lo da melhor maneira possível. No entanto, costumo cobrar entre x e y, de forma que o orçamento atual talvez não cubra todas as minhas despesas. Você acha que podemos conversar para encontrar um preço que seja confortável para nós dois?”.
Nem sempre, ao oferecer soluções, você conseguirá pegar aquele job. Se este for o caso, não seja egoísta: fale sobre outro freelancer que você conhece! Indicações são necessárias para fortalecer a sua rede de contatos, não se esqueça disso. Seu cliente ficará satisfeito, sua indicação também, e isto fará com que eles se lembrem de você.
 
A parte mais importante é ter coragem de dizer não. Você terá que aprender a fazer isso e terá que domar aquela voz na sua cabeça que lhe diz que isso não é normal ou profissional. Não tenha receio – lembre-se apenas de ser respeitoso e cordial.
Tem perguntas, sugestões ou dúvidas sobre este artigo? Deixe seus comentários abaixo!
 

Jota Del Rosso

Jota Del Rosso é redatora, tradutora, cientista social e atriz em formação. Acredita que trabalhar remotamente foi uma das melhores coisas que já decidiu fazer e por isso, é a pessoa perfeita para as traduções em português do freelancermap.com

Por Jota Del Rosso

Artigos recentes