O que faz um engenheiro de telecomunicações?

O

Um engenheiro de telecomunicações é um especialista em TIC responsável por todo o projeto e desenvolvimento de sistemas de telecomunicações que incluem comunicação por cabo, celular, rádio, internet, satélite, etc.

A Engenharia de Telecomunicações

A engenharia de telecomunicações é uma área da engenharia que explora, facilita e resolve problemas de interligação de redes e transmissão e recepção de informação à distância.

As tecnologias que um profissional de telecomunicações usa podem ser rádio, televisão, internet, telefone, etc.

As telecomunicações agrupam as áreas da:

  • Electrónica (a base de um sistema de informação)
  • Comunicações (informação que é processada e deve ser transmitida)
  • Telemática (redes, protocolo, segurança)

Estas são as disciplinas mais comuns para quem estuda engenharia de telecomunicações.

O que significa ser engenheiro de telecomunicações e quais são suas funções?

Estes profissionais geralmente também se especializam em sistemas electrónicos, sistemas de som e áudio e/ou telecomunicações relacionados ao planejamento, gerenciamento e operação.

A função de Engenheiro de Telecomunicações
A função de Engenheiro de Telecomunicações

E onde eles podem trabalhar? Eles podem trabalhar em praticamente qualquer setor publico ou provado. Os mais comuns: banca, saúde, seguros e fornecedores de serviços de telecomunicações.

Precisa de um engenheiro de telecomunicações 🔎?
> Perfis de especialistas em telecomunicaçõe
s

Quais as funções de um especialista em telecomunicações?

Funções do Engenheiro de Telecomunicações
Funções do Engenheiro de Telecomunicações

Os especialistas em telecomunicações estão encarregados de pesquisar e desenvolver produtos que aprimorem a tecnologia existente. Suas principais responsabilidades incluem a gestão, supervisão e assessoria técnica em qualquer assunto relacionado aos sistemas de telecomunicações.

Eles geralmente trabalham com os usuários finais desses sistemas para determinar as necessidades e requisitos e ajudar a mobilizar a tecnologia existente para atender aos seus critérios.

Um engenheiro de telecomunicações também é um tipo de planejador estratégico que apoia o cliente ou empresa no projeto de sistemas de comunicação eficientes e com boa relação custo-benefício, que atendem com sucesso aos requisitos de telecomunicações atuais e futuros.

Dependendo do local de trabalho e da área de conhecimento, eles ficarão encarregados de diversas tarefas como:

  • Telefonia e televisão: criação de sistemas para lidar com um grande volume de chamadas (RF, IP)
  • Segurança e protocolo: eles garantem a segurança da rede com Firewall, IPS, IDS, etc.
  • Transmissão de informações: especialistas em tecnologias como DWDM
  • Projeto de rede: sistemas sem fio, fibra óptica, rede HFC, etc.

Quais são as tarefas de um engenheiro de telecomunicações?

  • Planejamento de projetos de rede, serviços e aplicativos
  • Desenvolvimento de sistemas de comunicação (transmissão, comunicação, circuitos RF)
  • Projeto e produção de circuitos eletrônicos
  • Aplicação e manutenção de protocolos de interconexão
  • Reparo de sistemas de comunicação
  • Garantir o funcionamento adequado da rede
  • Relatórios e solução de problemas
  • Identificação e propostas de melhoria dos diferentes serviços
  • Gestão da atividade de serviço e crise
  • Análise geral de rede
  • Projeto e inventário da planta de rede externa

Qualificações e Conhecimentos necessários

Skills de um Engenheiro de Telecomunicações
Skills de um Engenheiro de Telecomunicações

São necessárias habilidades técnicas muito específicas e especializadas para realizar seu trabalho. Mas não só, você também precisará de habilidades interpessoais, como ser bom no trabalho em equipe, ter habilidades analíticas e de resolução de problemas.

Quais os requisitos para se tornar engenheiro de telecomunicações?

  • Experiência em projetos de dados: análise, armazenamento, processamento (ETL), visualização e interconexão.
  • Habilidades de programação e script para realizar automações: Python, PHP, PERL, C #, C +
  • Conhecimento em gerenciamento de projetos e serviços
  • Experiência em projeto e configuração de rede para operação de equipamentos de comunicação e tarefas administrativas
  • Conhecimento da pilha TCP / IP / Ethernet.
  • Comutação: CISCO, VLAN, Qos, RSTP, ACLs
  • Roteamento de IP: CISCO3850 ou similar, VRRP, OSPF, PIM-SM
  • Gerenciamento de rede: SNMP v2 / v3
  • Segurança: Firewall, VPN, IPS
  • Experiência em sistemas de controle (integração de equipamentos, manutenção, ações corretivas, …)
  • Experiência em sistemas de radiofrequência e sinais
  • Conhecimento de eletrônica digital/analógica, design de PCB

Procura emprego como engenheiro de telecomunicações?
> Os mais recentes projetos de TI

Formação

O que se estuda em telecomunicações? Como o campo das telecomunicações é muito grande, existem diferentes carreiras universitárias para trabalhar como engenheiro de telecomunicações.

Os caminhos e graus mais comuns são engenharia de tecnologia de telecomunicações, engenharia eletrônica de telecomunicações, diploma de engenharia de sistemas de telecomunicações, etc.

As disciplinas estudadas por um engenheiro de telecomunicações são também muito variadas, podendo passar por: comunicação móvel, radiofrequência, sinais óticos, analógicos e digitais, eletromagnetismo; redes de computadores, etc.

Quanto tempo dura a faculdade de engenharia de telecomunicações?

Tudo depende muito do tipo de curso escolhido e até do país.

Em Portugal, o Instituto Superior Técnico da Universidade de Lisboa e o Instituto Superior de Engenharia do Porto oferecem o curso de Licenciatura em Engenharia de Telecomunicações e Informática com uma duração total de 3 anos.

Após a licenciatura, é possível obter um nível de especialização ainda maior através de um mestrado, que teria uma duração de 2 anos. O Instituto Universitário de Lisboa ou o Instituto Superior de Administração e Contabilidade do Porto dispõem destes cursos.

No Brasil, o curso de Engenharia de Telecomunicações dura cerca de 5 anos. É possível estudar esta matéria na Faculdade de Tecnologia da UNICAMP, em São Paulo ou na Estácio, no Rio de Janeiro, entre outras.

Prosseguindo os estudos, surgem as pós-graduações, como a oferecida pela Universidade Unyleya, que pode ser feita à distância e tem a duração de 8 meses.

Salário

Como sempre, primeiro analisaremos o salário do engenheiro de telecomunicações nos EUA para referência.

Para perfis juniores, o salário começa em cerca de 48.000 dólares por ano, chegando aos 117.000 dólares para perfis mais experientes. O salário do engenheiro de comunicação é de 86.000 dólares por ano, em média.

No Brasil um profissional em início de carreia ganha cerca de 71.400 reais, mas no topo da carreira pode chegar aos 339.600 reais anuais. A média de salários fica nos 144.300 reais.

Em Portugal um engenheiro de telecomunicações ganha entre € 16.000 e € 51.800, andando a média nos 28.000 euros por ano.

Qual o salário de um engenheiro de telecomunicações?

Estados Unidos$ 86.000
BrasilR$ 144.300
Portugal€ 28.000

E quanto cobra um engenheiro de telecomunicações freelance?

Este perfil tão especializado também tem um ótimo mercado como profissional independente.

Muitas empresas precisas de serviços adicionais na área das telecomunicações e por isso acabam por contratar um engenheiro de telecomunicações autónomo, que assegure somente esse serviço específico.

Tarifa por um engenheiro de telecomunicações freelance
Tarifa freelance de um Engenheiro de Telecomunicações – Índice freelancermap, dezembro 2020

Uma busca no nosso diretório de freelancers permite perceber que o preço médio cobrado por um engenheiro de telecomunicações freelancer é de cerca de 96 dólares por hora.

Se considerarmos um dia de trabalho normal, com 8 horas, conseguimos chegar a uma tarifa diária de 768 dólares.

Outros profissionais de TI:

Carina Mendes

Carina é formada em Comunicação mas é completamente apaixonada pela Tradução. Ela trabalha como Freelancer e colabora com a freelancermap para os artigos em português.

Escreva um comentário

Artigos recentes

Cookie Consent One Trust