Recusar projetos freelancer da forma correta: aprenda a dizer não

R

Tão importante quanto conquistar novos trabalhos e ser considerado para projetos importantes é ter o discernimento para recusar possibilidades quando você não está 100%. É fundamental que você aprenda a dizer não. 

Recusar una oferta de trabalho freelancer: dicas, situações e exemplos

Blue separator

Razões para recusar uma oferta de trabalho freelancer – aprenda a dizer não

Há várias razões para ter que recusar um projeto. Claro que em alguns momentos de maior necessidade financeira é preciso aceitar trabalhos que não são aqueles com os quais você sonha, mas ao mesmo tempo é preciso pesar muito bem na balança. Afinal, você pode escolher fazer esse projeto apenas pelo retorno financeiro mas no dia seguinte não poder aceitar um muito mais legal porque já está com as mãos cheias.

Comunicar a recusa pode ser difícil, mas é uma atitude de respeito e bem entendida (por profissionais minimamente preparados) dizer não. Mas é preciso fazer isso da forma certa, para não queimar pontes e ainda poder participar de um projeto com esse cliente no futuro.

Estas são algumas das razões mais comuns para recusar uma oferta de trabalho freelancer.

  • Valor pago: é possível cobrar um pouco menos se o trabalho será constante ou abrirá para novas oportunidades, mas tudo tem um limite
  • Falta de comunicação: se já no começo as coisas não são claras, isso não irá melhorar no futuro. Antes de começar a colocar a mão na massa saiba exatamente qual será o trabalho
  • Reputação duvidosa: se você não conhece o cliente e não encontra informações na internet, fique com um pé atrás. 
  • Não é a sua: caso você veja que o projeto não é bem o que você faz ou gosta de fazer, não assuma uma responsabilidade que você não poderá cumprir depois.
  • Agenda cheia: tenha ciência de sua ocupação e quantas horas poderá dedicar a esse projeto. Recusar por falta de agenda é algo normal, mas aceitar e depois argumentar que não tem tempo é uma coisa que pega muito mal.
Quando recusar uma oferta de trabalho freelancer

Como recusar uma proposta ou orçamento?

Quando falamos que é necessário que você aprenda a dizer não, isso quer dizer que a tarefa não é tão simples. É normal ter receio e não querer desagradar ninguém. Mas é muito pior aceitar algo forçado e entregar um trabalho abaixo da média.

Abaixo vamos citar alguns pontos que você precisa abordar ao recusar um projeto.

1. Tenha certeza

Apesar da internet ser um mundo dinâmico e os pedidos “para ontem” não são raros, um tempo para reflexão é permitido. Antes de recusar – e aceitar também – pense nos prós e contras e tenha certeza de sua decisão.

Às vezes, sua intuição lhe dirá que pegar aquele trabalho não é uma boa ideia. E isso, acredite, não é para ser descredenciado. Muitas vezes sua primeira impressão corresponderá à realidade. 

Pense se o projeto é relevante para o seu crescimento enquanto profissional e individual. Se irá prejudicar outros trabalhos. O pagamento vale a pena, o cliente pode voltar mais vezes e o prazo é justo? 

Faça uma lista de vantagens e desvantagens, sem medo, e escreva tudo o que vier à sua cabeça. Com esta listinha em mãos, siga adiante.

 2.  Agradeça sempre

Depois de analisar o projeto e perceber que ele não se encaixa em sua proposta de trabalho, você precisa se preparar para recusá-lo. O primeiro passo é, sempre, ser educado

A forma como você se comunica diretamente com o seu cliente e como você recusa um trabalho pode definir os rumos da relação de vocês (e pode, portanto, abrir ou fechar portas). 

Uma coisa que pode ajudá-lo a ser polido o bastante é lembrar do seguinte: você foi a escolha deste cliente. Ele pensou em você e o priorizou entre muitas opções que existem no mercado de freelancers. Dê valor a essa preferência e à sua reputação.

3. Seja claro ao explicar seus motivos

Não é uma tarefa fácil, é claro, mas saiba que você precisará explicar, de maneira clara e convincente, os motivos pelos quais não poderá trabalhar com o cliente desta vez. 

As razões válidas para o declínio da oferta costumam envolver prazos muito curtos, muitas propostas de trabalho no momento ou simplesmente pouca habilidade com o tema do trabalho. Pense sobre o que não funciona bem para você, entenda as suas limitações atuais e diga isso. 

4. Ofereça soluções

Às vezes, o cliente está tão interessado no seu trabalho que pode aumentar o prazo de entrega, turbinar o orçamento inicial ou oferecer algum material de apoio. Caso o problema que você tinha ao fazer a análise da proposta seja solucionado, ótimo. Se nada irá mudar a sua decisão, pelo menos ajude o cliente. O que nos leva ao próximo ponto.

5. Recomendar outro freelancer

É bastante comum que um cliente tenha um freelancer em mente apenas, seja porque você foi recomendado ou ele já conhecia seu trabalho e sua recusa seja um problemão. Por isso recomendar outro profissional é uma imensa ajuda.

Com uma indicação todas as partes saem ganhando. Mostre ao cliente que você se importa com o projeto, que você tem uma boa rede e que quer ajudar. Por outro lado, o outro freelancer lembrará que você o ajudou e, se ele puder, ele retribuirá o favor em algum momento. Hoje para você, amanhã para mim.

6. Não se esqueça: mantenha a educação e profissionalismo

Do outro lado há uma pessoa que está trabalhando e mesmo que ela não tenha chegado no seu nível de expectativa, nada justifica ser mal-educado. Caso o cliente esteja dando mau exemplo, ainda bem que você não fará parte desse projeto, não é mesmo? Mantenha sua posição e siga em frente.

Exemplo: aprenda a dizer não de forma respeitosa

É possível rejeitar o projeto de um cliente sem afetar possíveis oportunidades futuras. Você aprendeu algumas maneiras de dizer não aos clientes e de rejeitar projetos, e agora lhe trazemos um modelo de e-mail que você pode adaptar e utilizar no futuro, caso a situação surja. 

Exemplo de e-mail para rejeitar uma oferta de trabalho sugerindo outro freelancer:

“Olá [nome do cliente],

Obrigado por entrar em contato comigo! Agradeço-lhe por pensar em mim para seu projeto [XXX]. Infelizmente, não tenho a capacidade de trabalhar neste projeto agora porque [inserir razão(ões)].

Entretanto, eu ficaria feliz em ajudá-los e sugerir alguns freelancers que também se encaixem no que vocês estão procurando. Todos eles são excelentes no que fazem e confio que serão capazes de complementar [o projeto]: 

[Insira os freelancers e uma breve introdução sobre o porquê de você os recomendar].

Eles já trabalharam com muitos clientes e acho que você estaria certo se decidisse trabalhar com qualquer um deles. 

Espero que você considere as recomendações úteis e espero que continue a me considerar para projetos futuros com os quais eu poderia ajudar. 

Muito obrigado e boa sorte com o projeto”.

Com este e-mail, você está declinando educadamente a oferta de trabalho e também ajudando o cliente enquanto deixa a porta aberta para futuros contatos. Seu cliente em potencial saberá que você se importa com eles e, se surgir outra oportunidade é possível que você seja procurado novamente.  

Esse modelo é uma ideia apenas. O ideal neste caso é que a mensagem tenha seu toque pessoal e que mostre envolvimento e que você se importa. 

Tem perguntas, sugestões ou dúvidas sobre este artigo? Deixe seus comentários abaixo!

Jota Del Rosso

Jota Del Rosso é redatora, tradutora, cientista social e atriz em formação. Acredita que trabalhar remotamente foi uma das melhores coisas que já decidiu fazer e por isso, é a pessoa perfeita para as traduções em português do freelancermap.com

Escreva um comentário

Artigos recentes

Cookie Consent One Trust