You are here:  Freelancer Tips  »  Article

 
04.05.2018

Trello para freelancers: como organizar seu negócio


Organizar a sua vida e o seu tempo de trabalho são coisas essenciais para qualquer um, mas ainda mais importantes para freelancers. Por quê? Antes de tudo, organizar-se faz com que você economize muito tempo - se você sabe o que fazer e deixa tudo ao alcance das mãos, a rotina fica meio menos complicada.

Além disso, organizar o seu trabalho faz com que você saiba exatamente o que precisa fazer e não perca a noção dos seus prazos. Isto é excepcional para que você se sinta motivado e mantenha-se produtivo.

Nosso artigo de hoje é exatamente sobre organização. Se este tema lhe causa preocupação, você precisa conhecer o Trello. Leia as informações abaixo para entender as funções desta ferramenta e como ela pode ajudar o seu negócio freelancer.

O que é Trello?

Basicamente, as funções do Trello permitem que você guarde, em um só lugar, as suas listas, tarefas e notas. Uma boa maneira de descrevê-lo é como uma “lista de listas”.

Por que não utilizar um caderninho ou uma agenda, você deve ter pensado. Bem, porque o Trello é uma agenda digital e muito mais prática, que permite que você procure, filtre, compartilhe e programe alarmes, além de criar as suas listas de tarefas.

A principal infraestrutura do Trello é chamada de quadro - é como um quadro negro, onde você escreve tudo o que precisa. Todas as listas possuem um número de itens, que podem conter imagens, anexos, checklists, prazos e muito mais. Eles são facilmente editáveis e toda a navegação é muito intuitiva.

E agora, a cerejinha no topo: a versão básico do Trello é completamente gratuita! Ela possui a maior parte das funcionalidades, mas se você precisar de algo muito mais completo, os planos premium são bem em conta.

Como o Trello ajuda os freelancers?

  1. Todas as suas anotações ficam em um único lugar

A primeira razão pra utilizar o Trello é aquela que mencionamos no início deste artigo. Esta é uma ferramenta que pode auxiliá-lo a arrumar tudo: os seus projetos, prazos ou metas de vida podem ser colocados por lá. Deixar todas essas informações em uma única plataforma permite que você guarde detalhes importantes, números de telefone, relatórios de performance e muito mais.

  1. Você pode utilizá-lo para facilitar as suas colaborações

Colaborar com outros freelancers ou mesmo com uma equipe se torna muito mais simples com o Trello. Imagine poder compartilhar todos os detalhes de seu projeto, determinar quem é responsável por qual parte do job e trabalhar em um espaço seguro, onde cada membro do time está ciente do que está acontecendo e de todas as atualizações. Espera, você não precisa imaginar: isso tudo pode ser real - basta adotar a plataforma do Trello! Por ser uma ferramenta muitíssimo popular, convencer outras pessoas a testá-lo não é algo tão difícil assim.

  1. E pode utilizá-lo sozinho, também!

Trabalhar com outras pessoas é uma das maiores vantagens do Trello, mas esta incrível ferramenta vai além. Você sempre pode utilizá-la sozinho, para gerenciar os seus próprios projetos. Por conta de sua funcionalidade gratuita, o Trello é excelente para freelancers que trabalham para clientes diversos e precisam estar sempre atentos a deadlines e afins.

Dicas úteis para extrair o melhor do Trello:

  1. Visualização: imagens e cores

Um dos maiores pontos positivos do Trello é o fato de que ele permite que você visualize as coisas em vez de contar simplesmente com relatos e palavras. Você pode, por exemplo, colorir posts mais urgentes ou utilizar cores específicas para projetos específicos. Aos poucos, você começará a associar cores a clientes ou a temas de trabalho e conseguirá organizar-se de forma muito mais intuitiva e rápida. Além disso, você também pode adicionar referências visuais aos seus trabalhos.

  1. Utilize interação pública

O Trello também permite que você compartilhe o seu trabalho com o mundo. Ao tornar o seu projeto público, todos podem vê-lo e oferecer feedback. Isto é muito útil para freelancers que gostam de trabalhar com questionários, por exemplo, mas também é válido para informar às pessoas o que você tem feito, profissionalmente falando. Isso faz com que você motive outras pessoas e prove que é um trabalhador criativo e ativo.

  1. Permita-se ser inspirado pelos outros: templates do Trello à disposição

Listas públicas são uma via de mão dupla. Mesmo que você não compartilhe as suas, você pode olhar as listas alheias e ficar por dentro do que pessoas que você admira estão fazendo. Há uma seção de inspirações na página do Trello e, por lá, você pode encontrar dicas preciosas para melhorar o seu trabalho e desenvolver a sua motivação. Aprenda também com pessoas que têm utilizado a plataforma há muito tempo, faça contatos com possíveis clientes ou usufrua dos templates disponíveis por lá!

Ao terminar de se organizar, você pode começar a trabalhar na sua produtividade. Abaixo, alguns artigos que podem ajudá-lo nisso:

Você já testou o Trello alguma vez? O que você achou? Pretende utilizá-la no futuro? Conte-nos mais sobre as suas percepções e expectativas!

Crie seu perfil de freelancer e encontre novos projetos agora mesmo.

 Cadastre-se grátis!

More articles

  • De freelancer a consultor: como expandir seus negócios

    Consultoria e freelancing podem andar de mãos dadas perfeitamente. A maioria dos freelancers costuma se aventurar no campo da consultoria depois de algum tempo de trabalho e ao reunir uma boa quantidade de experiência. Chegou a sua hora?
  • 6 dicas para reutilizar conteúdo

    Você tem o costume de escrever artigos para blogs ou cria conteúdo para mídias sociais? Como muitos outros criativos, você tem paixão pelo que escreve e não gostaria de ver o resultado de tanto trabalho se perder por aí? Se a sua resposta para ambas as perguntas foi “sim”, este artigo foi feito para você.
  • GDPR: a lei de proteção aos dados que você precisa conhecer

    A GDPR (General Data Protection Regulation ou Regulamento Europeu de Proteção aos Dados) é uma das leis mais relevantes no que tange privacidade dos últimos vinte anos. Se você é freelancer e se relaciona com companhias ou clientes oriundos da Europa, você precisa conhecê-la.

Comments

  • No comments available

Comment this article