Como Convencer um Cliente a Terceirizar e Contratá-lo como Freelancer

C

O outsourcing podem ajudar um negócio a crescer: contrata-se especialistas que não tenha disponíveis dentro de portas, a poupar tempo e dinheiro e a obter novas ideias e pontos de vista externos. Mas qual é a melhor maneira de convencer um cliente destas vantagens?

  1. Por que trabalhar com freelancers é uma boa opção para as empresas?
  2. Dicas para convencer os seus clientes a contratá-lo como freelancer
    1. Mostre a eles que você conhece o negócio deles
    2. Descreva os benefícios de seus serviços
    3. Ofereça amostras
    4. Mostre seu profissionalismo
    5. Reduza o fator de risco
    6. Seja breve
    7. Aborde suas objeções com o orçamento
    8. Cumpra os prazos
  3. Técnicas de persuasão para convencer um cliente a comprar os seus serviços
  4. Modelos de E-Mail para convencer um cliente

Por que trabalhar com freelancers é uma boa opção para as empresas?

As vantagens do outsourcing podem mesmo ser enormes, mas para muitas empresas são também um grande passo, principalmente se não estiverem habituadas a confiar em profissionais externos.

O seu trabalho, enquanto freelancer é indicar-lhes os motivos pelos quais você é a pessoa certa para lhes tirar alguns pesos dos ombros.

Entregar algum trabalho a freelancers em outsourcing pode ser ventajoso para muitos negócios porque:

  • É mais económico do que contratar pessoal a full-time
  • Não é necessário investir em formação para os colaboradores
  • A responsabilidade pelos impostos e benefícios é do freelancer, não do empregador
  • Estarão a contratar um especialista na área

Cada vez são mais as empresas que contratam freelancers para algumas tarefas e, como freelancer, deve ser você a convencer os seus clientes a contratá-lo a si.

 

 

Dicas para convencer os seus clientes a terceirizar e a contratá-lo como freelancer

#1 Mostre-lhe que conhece o negócio

Antes de mais, não se esqueça do seu toque pessoal. Os seus clientes vão ficar satisfeitos por estar a trabalhar com um especialista que se preocupou em fazer toda a pesquisa necessária para evoluir o seu negócio.

Pesquise muito e descubra a roda dentada do negócio do seu cliente – qual é a filosofia e o objetivo que se propõem atingir.

Pense na melhor maneira de os ajudar a atingir esses objetivos e atente também em possíveis aspetos que possam não estar tão bem dominados, dentro da sua área de atuação.

Se for um especialista em Projetos de Web Design, por exemplo, não se iniba de dizer aos seus clientes exatamente o que acha que não está a funcionar no website deles.

#2 Explique como eles se beneficiarão com seus serviços

Depois de dominar na perfeição o funcionamento do seu potencial cliente, está na hora de o fazer perceber o quanto pode ganhar caso decida optar pelos seus serviços. Ofereça medidas concretas com resultados mensuráveis. Por exemplo:

“Se fizer X e Y, vai conseguir otimizar o seu site e subir nos resultados das pesquisas no Google”

A maior parte das empresas já saberão as razões pelas quais precisam terceirizar o trabalho para freelancers, mas você pode ir mais longe e oferecer soluções para problemas que elas próprias não sabiam tinham.

Se conseguir convencer uma empresa de que um investimento no imediato nos seus serviços pode vir a ser rentável para eles no futuro, poucas serão aquelas que o recusarão.

#3 Forneça amostras

Uma das melhores maneiras de convencer um cliente da sua experiência é mostrando-lha. Esta é uma estratégia de marketing universal e, como tal, também pode ser aplicada ao freelancing.

Dar um exemplo do seu trabalho ao seu cliente é muito melhor do que escrever 10 parágrafos onde descreve todas as suas excelentes capacidades. Neste caso, as ações valem mesmo mais que as palavras.

Enquanto freelancer, possuir um CV freelance e portfolio com exemplos de trabalhos anteriores (preferencialmente relacionados com o nicho de mercado que está a perspetivar) é verdadeiramente essencial para conseguir conquistar novos clientes e convencê-los a recorrer aos seus serviços de outsourcing.

#4 Mostre que é profissional

É importante convencer os clientes – especialmente aqueles que nunca trabalharam com freelancers – de que vai fazer o seu trabalho de forma profissional. O profissionalismo deve estar patente em todos os aspetos do seu trabalho: na forma como estabelece o contacto, na forma como se dirige a eles, na forma como se apresenta nas redes sociais, etc.

Se tiver referências ou críticas positivas, também serão uma mais-valia. Expor a opinião de outros clientes satisfeitos é muitas vezes a melhor forma de convencer os potenciais clientes de que é um profissional de confiança. Não cai nos erros comuns do outsourcing!

Como convencer um cliente a comprar os seus serviços freelance

#5 Reduza o fator de risco

Os clientes que nunca trabalharam com freelancers vão preocupar-se principalmente com os potenciais riscos que podem advir de trabalhar com profissionais externos, tais como:

  • Pagar demasiado por um serviço com pouca qualidade
  • Pagar a um freelancer e nunca receber qualquer trabalho
  • Comunicação deficiente
  • Prazos não respeitados

Na verdade, a lista é interminável – mas a sua principal prioridade é demonstrar que esses riscos não são relevantes quando se trabalha consigo.

A melhor forma de o fazer é respondendo a um anúncio de emprego com uma resposta direta e individual para cada cliente (sem copiar respostas com frases feitas) e com links para críticas positivas dos seus clientes e para o seu portfolio.

Mantenha todas as interações relacionadas com os seus negócios num registo profissional, desde o estabelecimento de um contrato, caso isso seja mais confortável para o seu cliente, até ao estabelecimento de um pré-pagamento acordado.

Ao eliminar todos estes riscos estará a aumentar em muito a probabilidade de o seu cliente se sentir confiante em trabalhar com um freelancer pela primeira vez.

#6 Mantenha as coisas curtas e simples

Embora os conselhos acima sejam manifestamente extensos, na realidade eles podem ser sumarizados num curto e-mail. Esse é que deve ser o seu objetivo.

Se quiser convencer um cliente a optar pelo outsourcing, estará a competir com um sem número de distrações e coisas que ele tem que fazer, já para não falar na desconsideração que é dada aos e-mails provenientes de estranhos.

Seja objetivo de forma rápida e eficiente. Para aumentar as suas hipóteses de obter atenção”.

#7 Tenha atenção ao budget

Principalmente nos clientes que nunca delegaram trabalho em outsourcing, o budget será sempre um grande problema.

É importante ter alguma sensibilidade no que diz respeito ao budget e discutir esta questão com o seu cliente, mas sem sacrificar os seus preços habituais. Além disso, deve também ressalvar a poupança de que o seu cliente está a beneficiar ao contratar um freelancer em vez de um colaborador a full-time.

#8 Cumpra os prazos

Isso é ideal, principalmente se começar a trabalhar com um cliente e quiser que ele continue a entregar-lhe trabalho em outsourcing. A melhor forma de o fazer é dando prioridade aos seus trabalhos – e isto significa cumprir os prazos e estar disponível para resolver quaisquer problemas que possam surgir, principalmente no início da relação profissional.

Junte-se à nossa comunidade de freelance (é grátis)
» Todos os Empregos e Projectos

Técnicas de persuasão para convencer um cliente a comprar os seus serviços freelance

Quando você está prospectando um novo cliente, o tom e o conteúdo do seu email são parte essencial para convencer o sue cliente a contratá-lo.

Aqui estão algumas dicas a serem levadas em consideração ao formular seu discurso para convencer um cliente a contratá-lo como freelancer:

  • Seja claro acerca da finalidade do seu e-mail (por exemplo, “Estou a enviar-lhe este e-mail porque tenho uma maneira de lhe poupar tempo dinheiro e energia, caso decida colocar parte do seu negócio em outsourcing”.)
  • Mostre-lhes porque precisam de si. Aponte quaisquer problemas ou melhorias que tenha encontrado no negócio e explique de que forma poderá ajudar – mencione projetos passados do seu portfolio que atestem a sua experiência, isso é muito importante nesta fase.
  • Pense: o que os estará a impedir? Será que simplesmente têm alguma reticência em contratar profissionais externos ou precisam de mais informação acerca das suas capacidades? Ou talvez o problema seja o budget. Esclareça de antemão aquilo que acredita que possam ser as suas maiores preocupações para que não haja qualquer margem para dúvidas.
  • Faça e-mails individualmente para cada cliente. Deve apresentar-se a si e às suas capacidades, mas o mais importante de tudo é mesmo que o e-mail se dirija em particular àquele cliente – se o seu e-mail for demasiado abrangente e não se dirigir à situação do cliente de forma individual, não terá a atenção que almeja.

Modelos de e-mail para persuadir os clientes

Imaginemos que a posição em que está interessado é adequada tanto para um empregado a tempo inteiro como para um freelancer e que está a contactar directamente um cliente.

Se o empregador decidir contratar ou não um trabalhador a tempo inteiro ou um freelancer, deve concentrar-se na vantagem de poupar custos e flexibilidade – trabalhar após 9 a 5 horas de trabalho.

Por exemplo, poderia utilizar o seguinte e-mail se se candidatasse a um emprego que encontrasse online:

Assunto: [Título do projecto] Proposta

Olá [nome do cliente],

Encontrei seu anúncio de emprego em [nome do site] para a função de designer UI para criar o front end do seu site. 

Eu adoraria ter a oportunidade de trabalhar no seu site! Você pode conferir alguns dos meus trabalhos em [link para seu portfólio].

Embora você possa ter receio de contratar um freelancer, acredito que esse seria o trabalho perfeito para mim. Eu trabalhei com [mencionar clientes que trabalhavam com links para seus sites] em um redesenho semelhante, o que resultou em [apresenta bons resultados – por exemplo, um aumento de 10% na taxa de conversão]. 

Uma das melhores razões para contratar um freelancer para este trabalho é o custo total reduzido + a flexibilidade que posso trazer para a sua empresa, pois estou aberto para o horário de trabalho personalizado.

Tenho algumas ideias para o design do seu site e gostaria de discuti-lo em um bate-papo rápido! Deixe-me saber quando é o melhor momento para você. 

Atenciosamente,
[O freelancer]

Ou você pode enviar um cliente em potencial para ajudar com seus serviços (em frio). Veja como você pode entrar em contato:

Assunto: Sobre [Descrição do problema]

Olá [nome do cliente],

Estou usando o [site do cliente] nos últimos 6 meses e devo dizer que realmente amo [descrever uma boa funcionalidade].

Eu apenas senti falta em seu site a possibilidade de acessá-lo no meu celular.

Dei uma olhada no seu site e sou um [desenvolvedor de aplicativos] freelancer especializado no nicho [Inserir indústria da empresa]. Eu trabalhei em projetos [Inserir número de projetos] nos últimos x anos. 

Veja por que contratar um freelancer é do seu interesse?

– Fator de custo – Cobro meus clientes de uma taxa fixa para cada projeto. Isso significa zero custo indireto, sem prêmios, taxas de retenção ou custos de equipamento, e você não precisa adicionar outro membro fisicamente presente à sua equipe!

– Flexibilidade – estou aberto para trabalhar após o período das 18:00hrs  permitindo que você receba os produtos com mais rapidez. 

Eu adoraria criar um bate-papo rápido para discutir o projeto e começar algumas ideias!


[O freelancer]

Se você não receber uma resposta desse cliente em potencial, recomendo que você faça o acompanhamento em quatro a cinco dias úteis a partir de então:

Assunto: Re:  [Título do projecto] Proposta

Olá [nome do cliente],

Você já teve tempo de considerar meu último e-mail? Eu ainda adoraria me conectar com você quando tiver tempo! Tenho ótimas idéias para o seu site que gostaria de discutir. 

Seria bom marcar uma conversa rápida esta semana?

Obrigado,
[O freelancer]

Já alguma vez trabalhou com algum cliente que subcontratam pela primeira vez? Como correu? Partilhe as suas experiências na secção de comentários, abaixo.

Também lhe pode interessar:

Natalia Campana

Escreva um comentário

Artigos recentes